TUGAZOMBI

cadáver semi-frio com cereja na terceira narina

sábado, junho 17, 2006

Alexei Jawlensky (1910)

soa pé ao búzio
que carrancudo
chupa placentas
e nele suspira
o mar
.
mulheres em palco
mães mãos escoam
bílis agreste
e esfregam olhos
em terreno cabeludo
línguas curvam
botões carnais
baile sulcando
nos braços
timbre hipnótico
.
e cresce um
veio roxo
escurece-se cavilha
dum coração
comedor de sal

9 Comments:

Blogger martim said...

sal da língua. abraço apertado.

12:38 da manhã  
Blogger Mendes Ferreira said...

hum............



beijo-salgado mas doce...poderá ser?

12:54 da tarde  
Blogger alice said...

querido amigo,

só mesmo as tuas palavras para me confortar

estou aborrecidíssima, há mais de 24 horas que não tenho acesso ao mail, tenho de ir ver os comentários do blog ao template e li o teu e vim logo aqui para te agradecer e beijar

espero que estejas bem

adorei ler-te

alice

9:04 da tarde  
Blogger pintoribeiro said...

Abraço Porfírio. Não salgado.

9:55 da tarde  
Blogger pintoribeiro said...

'dia, abraços.

12:40 da tarde  
Blogger Maresi@ said...

Vim conhecer te e "ler - te" Gostei e voltarei.
deixo convite

Beijo com sabor a Maresi@

4:11 da tarde  
Blogger alice said...

segunda feira,

olá amigo porfírio

sabes que me dás muita vontade de continuar sempre que vens comentar?

a isa e tu os meus dois anjinhos da guarda, sabias?

e o legível que é uma espécie de irmão virtual (isso existe, certo?)

gosto muito de vocês,

muito de ti,

beijo-te,

alice

9:23 da tarde  
Blogger pintoribeiro said...

Bom dia e um abraço.

10:19 da manhã  
Blogger alice said...

falta-me acrescentar a vanda, que é irmã virtual também

e se isso não existe, passa a existir

porque eu quero ;)

boa tarde, porfírio

beijo-te

alice

2:15 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home